Caviar que vale ouro!

O Caviar é sinônimo de luxo e seu consumo faz parte da história da humanidade, sendo os persas e os russos os primeiros a produzir e consumir esta iguaria.

Existem quatro tipos diferentes de caviar: Sevruga, Sterlet, Ossetra e Beluga. Atualmente o caviar mais caro do mundo tem origem iraniana e se chama Almas (diamante em russo).

O apreciador deste caviar irá encontrá-lo em uma lata exclusiva de estanho banhada a ouro de 24 quilates. De cor branca, o caviar está relacionado ao peixe esturjão beluga albino que aparentemente manteve as mesmas características genéticas ao longo dos seus mais de 120 milhões de anos.

A exclusividade deste caviar está relacionada as características do peixe que pode ser encontrado nos Mar Cáspio mas sua captura não ultrapassa cem unidades anuais. O Beluga é vendido por US$ 24.000.

Imagem de divulgação

Imagem de divulgação