O edifício mais caro do mundo

Você conhece o edifício mais caro do mundo? Por que será que ele é tão valioso?

Leia também: O resort mais luxuoso nas Maldivas

O mercado imobiliário é um dos setores mais importantes da economia. Não é atoa que uma queda nesse mercado pode gerar transtornos com consequências desastrosas, como na crise financeira do subprime, ocorrida nos Estados Unidos em 2006.

Existem algumas características que contribuem para a valorização de um imóvel, como por exemplo o perfil do público ao qual se destina, a localização, os custos do projeto, entre outras. Em cidades com grande densidade populacional, o valor do metro quadrado em bairros considerados nobres costuma surpreender até mesmo aos mais afortunados.

Entre os edifícios mais valiosos do mundo existe aquele que ocupa o topo da lista e garante sofisticação e exclusividade para um grupo seleto de pessoas. Estamos falando do Marina Bay Sands, de Singapura.

O hotel cassino foi projetado pelo respeitado arquiteto e urbanista israelense Moshe Safdie, e pertence ao grupo americano Las Vegas Sands do empresário Sheldon Adelson, considerado a 8° pessoa mais rica do planeta no ano de 2014. A obra custou aproximadamente US$ 5,5 bilhões e está localizado em uma das áreas mais privilegiadas de Singapura.

Inaugurado em 2010, o edifício possui 194 metros de altura, 75 andares e conta com 2561 suítes. Em seu interior o hóspede pode contar com o maior cassino do mundo, com 1.600 máquinas caça-níquéis, além de um shopping, museu, teatros e sete restaurantes de alto nível.

O que mais chama a atenção no Marina Bay Sands é sua piscina com borda infinita localizada no terraço do hotel e considerada uma das maiores nesse formato.

Marina-Bay-SandS-01

Marina-Bay-Sands-02

Marina-Bay-Sands-03

Marina-Bay-Sands-04

Marina-Bay-Sands-05
Para saber mais acesse: marinabaysands.com
Imagem: divulgação, direitos do autor.