Por que este chocolate envelhecido foi considerado o mais caro do mundo?

Segundo historiadores o chocolate se popularizou na Europa a partir do século XVII. Atualmente ele é um dos alimentos mais consumidos pelo mundo e possui uma variedade de versões como ao leite, meio amargo, branco e…vintage.

Para comemorar o Valentine’s Day (dia dos namorados em muitos países em 14 de fevereiro), a marca To’ak criou o chocolate envelhecido mais valioso do planeta.

A marca surgiu em 2007 e desde então tem se destacado nos meios de comunicação por criar produtos exclusivos e voltados para um público com alto poder aquisitivo.

A barra de 50 gramas custa em torno de US$ 345 por ter sido fabricada através de um processo especial. Ao todo, 200 itens foram envelhecidos por 15 meses em um barril de conhaque de 50 anos de idade. Segundo o fabricante, o processo ajuda a aprimorar o sabor do cacau de origem equatoriana.

De acordo com o site Luxuo, a To’ak anunciou pré-encomendas para novas edições vintage mas desta vez os chocolates serão envelhecidos em um barril de Laphroaig Scotch por dois anos e em um barril de Cognac francês por três anos. Você pagaria pela experiência de provar um chocolate vintage?

Imagens: divulgação/To’ak